04.12.2019 - 03:43

Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte


Depois dos ataques de Ricardo, João Azevêdo vai iniciar faxina para varrer os girassóis do governo

E, pelo visto, não serão poucos. Afinal, como se sabe, Ricardo Coutinho impôs praticamente todo o secretariado de João, e manteve os demais escalões do governo. É um verdadeiro exército de ricardeiros.



Os novos ataques desfechados pelo ex Ricardo Coutinho devem apressar uma operação de desmonte girassol no governo do Estado. Após o ex-governador tachar João Azevedo de “traidor”, e ficar oficializado o rompimento entre eles, a ordem é que todos os seus aliados ainda aboletados no governo devem entregar os seus cargos, a partir de agora. Assim, João ficará livre para compor seu próprio governo.

A nova orientação deve chegar a todos, nas próximas horas. João entende que não é mais possível continuar a administrar a máquina estatal com aliados do ex-governador, em alguns casos, até boicotando sua gestão, como já foi amplamente denunciado. Assim, é esperado que as próximas edições do Diário Oficial do Estado estejam recheadas de exonerações de ricardistas.

E, pelo visto, não serão poucos. Afinal, como se sabe, Ricardo Coutinho impôs praticamente todo o secretariado de João, e manteve os demais escalões do governo. É um verdadeiro exército de ricardeiros.

Com Blog de Helder Moura


Comentários

Colunistas

ver todos os colunistas

Vídeos

O Mundo é Uma Cabeça - Chico Science e o Mangue Beat

O Mundo é Uma Cabeça - Chico Science e o Mangue Beat


PARRÁ CONTA SUA HISTÓRIA, COM HUMOR

PARRÁ CONTA SUA HISTÓRIA, COM HUMOR


ver todos os vídeos