10.12.2019 - 03:13

Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte


Deputados prestigiam lançamento de projeto que aperfeiçoa culturas agrícolas na Paraíba

Durante o lançamento, o governador destacou que a área da pesquisa possui 5.138 km² e abrange 33 municípios localizados na Zona da Mata e Agreste paraibanos, que estão sob influência do Canal das Vertentes Litorâneas da Paraíba, conhecido como Canal Acauã-Araçagi, obra complementar do Projeto de Integração do Rio São Francisco (PISF).



Os deputados Lindolfo Pires, Dr. Érico e Pollyanna Dutra representaram a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) no lançamento do Projeto Zoneamento do Potencial Pedoclimático para culturas agrícolas na área de influência do Canal das Vertentes Litorâneas da Paraíba (ZON-PB) ocorrido na tarde desta segunda-feira (09) no Palácio da Redenção, em João Pessoa. O presidente da ALPB, Adriano Galdino, parabenizou o governador João Azevedo pela iniciativa.
 
Durante o lançamento, o governador destacou que a área da pesquisa possui 5.138 km² e abrange 33 municípios localizados na Zona da Mata e Agreste paraibanos, que estão sob influência do Canal das Vertentes Litorâneas da Paraíba, conhecido como Canal Acauã-Araçagi, obra complementar do Projeto de Integração do Rio São Francisco (PISF).
 
O estudo contemplou quatro culturas agrícolas importantes para o estado: milho, sorgo, cana-de-açúcar e abacaxi, buscando o uso racional dos recursos naturais, o desenvolvimento agropecuário da região, com critérios de sustentabilidade, e o subsídio a políticas públicas voltadas para o incentivo à produção agropecuária estadual.
 
Os deputados ressaltaram a importância do estudo realizado pelo governo para beneficiar a população da Paraíba. "É uma ação importante realizada através de estudos que incentivam a agricultura. A gente parabeniza o Executivo Estadual pelo esforço em transformar a Paraíba em um potencial na agricultura. Esse projeto só vai melhorar cada vez mais a qualidade de vida dos paraibanos", destacou o Dr. Érico.
 
O projeto é uma parceria do Governo do Estado com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). O governador João Azevedo explicou ainda que o estudo amplia o conhecimento de solos e clima, o que pode gerar vantagens competitivas na definição de programas e implantação de projetos, otimizando a aplicação de recursos financeiros e o uso dos recursos ambientais.
 


Comentários

Colunistas

ver todos os colunistas

Vídeos

O Mundo é Uma Cabeça - Chico Science e o Mangue Beat

O Mundo é Uma Cabeça - Chico Science e o Mangue Beat


PARRÁ CONTA SUA HISTÓRIA, COM HUMOR

PARRÁ CONTA SUA HISTÓRIA, COM HUMOR


ver todos os vídeos

Mais lidas