30.08.2019 - 20:38

Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte


Educadores da EJA de Conde participam de encontro pedagógico na educação socioemociona

A ação teve, entre os seus objetivos, possibilitar trocas de experiências e aprendizagem sobre as práticas do programa de Educação Socioemocional, desenvolvido desde 2018 nas escolas da rede pública de ensino.



Numa parceria entre a Secretaria de Educação da Prefeitura de Conde e a Inteligência Relacional, os educadores e educadoras da Educação de Jovens e Adultos EJA participaram de um Encontro Pedagógico de Educação Socioemocional. A ação teve, entre os seus objetivos, possibilitar trocas de experiências e aprendizagem sobre as práticas do programa de Educação Socioemocional, desenvolvido desde 2018 nas escolas da rede pública de ensino.

A prefeita Márcia Lucena esteve presente na abertura do encontro, aproveitou a ocasião para falar um pouco do processo educacional nos dias atuais. “Lidar com as emoções e reconhecê-las é uma tarefa de todos nós, e é um desafio coletivo. Somos profissionais que nos relacionamos com o ser humano em formação e precisamos estar instrumentalizados para esse desafio tão grande, ajudando os estudantes a canalizar isso de uma forma mais sadia. Que bom que a escola pode ser também esse lugar da gente aprender sobre as emoções”, ressaltou.

De acordo com a consultora pedagógica da Inteligência Relacional, Maria Dóia, responsável pela condução da atividade, tudo aconteceu com muita participação e entrosamento. “Foi um momento de enriquecimento das experiências, compartilhamento de ideias e de saber como está sendo o desenvolvimento lá na ponta, na sala de aula e nas relações com esse público. Tudo isso foi algo pensado como um suporte para que os educadores possam oferecer o melhor para seus alunos”, destacou.

Para a professora Márcia Raquel, da Escola Municipal Deputado José Mariz, o encontro foi positivo por fortalecer a temática da sala de aula. “Para mim é sempre muito bom falar sobre a Educação Socioemocional e das experiências vivenciadas, além de compartilhar os nossos desafios. Sempre aproveitamos o melhor dessas aprendizagens relatadas para aplicar com nossos alunos”, enfatizou.

Já na avaliação do professor Luiz Carlos, da Escola Municipal Noêmia Alves de Souza, o evento aconteceu como uma atividade complementar para auxiliar na prática escolar. “Foi um contexto diferenciado onde a gente compartilhou as coisas que estão dando certo, para que cada vez mais consigamos evoluir nessa proposta pedagógica em sala”, disse. 


Comentários

Colunistas

ver todos os colunistas

Vídeos

O Mundo é Uma Cabeça - Chico Science e o Mangue Beat

O Mundo é Uma Cabeça - Chico Science e o Mangue Beat


PARRÁ CONTA SUA HISTÓRIA, COM HUMOR

PARRÁ CONTA SUA HISTÓRIA, COM HUMOR


ver todos os vídeos

Mais lidas